Inspeções periódicas em dia

Não é só antes de viajar que os motoristas devem se preocupar com a revisão do veículo. As inspeções regulares são igualmente importantes, uma vez que a maioria acaba rodando muito mais dentro de sua própria cidade do que em viagens. O nível do óleo, a água do radiador, os sulcos dos pneus, a lavagem do motor, a calibragem dos pneus e os cuidados com a bateria devem sempre estar em dia, para evitar surpresas desagradáveis.

Verificar o nível do óleo

Cheque o nível de óleo do motor a cada semana. Em local plano e com o motor frio, o nível correto deve ficar entre as marcas mínima e máxima da vareta. Óleo em excesso pode sujar as velas e o sistema de alimentação nos carros com carburador. A falta de óleo compromete a lubrificação das partes móveis internas, podendo causar o travamento ou desgaste prematuro do motor. Se tiver de completar o nível, utilize óleo da mesma marca, especificação e classificação da do óleo original.

Completar a água do radiador

Verifique o líquido do sistema de refrigeração (radiador e vaso de expansão) sempre com o motor frio, semanalmente, de preferência logo pela manhã. O nível correto deve ficar entre as marcas máxima e mínima do reservatório de expansão. Em caso de superaquecimento, espere o motor esfriar antes de completar o nível. Feito isso, ligue o motor e adicione a água fria aos poucos. Isso evita um choque térmico que poderia causar o empenamento do cabeçote e outros problemas .

Profundidade dos sulcos dos pneus

Desenhados para escoar a água em contato com a banda de rodagem, os sulcos dos pneus devem manter uma profundidade mínima de 1,6 mm. Abaixo dessa medida, passam a perder a aderência quando em contato com o chão molhado ou em condições de baixo atrito. Além disso, carros com pneus lisos estão sujeitos a multa na estrada.

Lavagem do motor nos postos

Os carros equipados com injeção eletrônica são mais sensíveis à água durante as lavagens. Por isso evite limpar o motor com muita frequência nos postos de abastecimento. A água sob pressão pode infiltrar nos terminais e sensores do sistema de ignição e bloquear o contato elétrico, impedindo o funcionamento do motor. Em modelos com central eletrônica instalada dentro do cofre do motor, pode haver uma pane nesse componente. Se a lavagem for inevitável, envolva a central eletrônica com um plástico e evite esguichar água sob pressão nos terminais.

Calibragem dos pneus

A calibragem dos pneus deve ser checada semanalmente, sempre com os pneus frios, de preferência pela manhã, no posto mais próximo de casa. Quando o carro está em movimento o atrito da roda com o piso aquece os pneus. Isso aumenta o volume interno de ar e faz com que a pressão se eleve, apontando uma medição alterada.

Cuidados com a Bateria

Nas baterias não seladas, verifique e complete o líquido a cada 30 dias, reduzindo essa frequência no verão, quando há maior evaporação. Use sempre água destilada, pois a água de torneira contém elementos químicos ou metais que podem comprometer a vida útil da bateria. Nas baterias seladas, o orifício de ventilação dos elementos deve estar sempre desobstruído para evitar o acúmulo de gases e uma eventual explosão.

Fonte: www.bolsacar.com.br

Tags: , , , , , , , , , ,

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.