Archive for the ‘Novidades’ Category

Flagras dos SUVs da VW

quarta-feira, junho 13th, 2018

 

Especificação do modelo explica porque o modelo será trazido para a América do Sul

Especificação do modelo explica porque o modelo será trazido para a América do Sul

Pauta-37

O SUV que a Volkswagen apresenta agora é o Tharu chinês, que por aqui deverá se chamar Tarek, um modelo médio, que será feito na Argentina até 2020. Será um carro para atuar abaixo do Tiguan, e explica porque a VW optou por trazer apenas a versão alongada AllSpace do Tiguan para o Brasil.

Trata-se de um SUV com 4,453 metros de comprimento, 1,841 m de largura e 1,632 m de altura, com entreeixos de 2,688 m. A explicação para isso é que o novo SUV é mais simples não somente em acabamento como também em construção e oferta de motores e transmissões.

Feito na China, em parceria pela joint venture Shanghai-Volkswagen, o Tharu terá duas configurações: uma 1.2 TSI de 116 cv com suspensão traseira por eixo rígido, e uma 1.4 TSI de 150 cv com multilink no eixo traseiro. Ambas virão com câmbio DSG de dupla embreagem e 7 marchas, e ainda não foi informado será haverá opção de tração 4×4 na versão mais forte. Serão três versões de acabamento, sendo a de entrada com rodas aro 15″, sem cromados na linha dos vidros e sem rack no teto. A intermediária adiciona rodas aro 16″, além do rack. Já, a top, tem teto solar panorâmico, rodas aro 17″, cromados na linha das janelas e sistema de som da Beats, entre outros itens.

Para o Mercosul, o mais provável é que o Tarek seja vendido única e exclusivamente com o motor 1.4 TSI de 150 cv, câmbio automático de 6 marchas e suspensão traseira por eixo de torção – exatamente como o Golf que lhe empresta a plataforma MQB.

O Tharu/Tarek se destaca pelos faróis quadrangulares bem grandes, com as luzes principais e setas na parte de cima e um feixe de LEDs para iluminação diurna na parte de baixo. Tem também o vinco na altura das maçanetas, traço que vai dos faróis até as lanternas traseiras, atravessando toda a lateral do modelo. A traseira vem com lanternas horizontais e duplas, com uma parte mais fina na tampa do porta-malas.

Fonte: https://motor1.uol.com.br/news/242242/flagra-volkswagen-tarek-fotos-especificacoes/

Volks confirma a produção T-Cross no Paraná a partir de 2019

segunda-feira, maio 14th, 2018

 

Modelo global chega para brigar no segmento de SUV e crossover compactos. O pacote de novidades da VW contempla 20 lançamentos até 2020

Modelo global chega para brigar no segmento de SUV e crossover compactos. O pacote de novidades da VW contempla 20 lançamentos até 2020

 

A Volkswagen acaba de confirmar a produção do SUV compacto T-Cross na fábrica de São José dos Pinhais, Grande Curitiba. É o primeiro utilitário esportivo da marca a ser feito no país e será um dos principais nomes da ofensiva da Volks para brigar pelo posto de marca que mais vende no Brasil – ao lado de Polo e Virtus.

 

Segundo Pablo Di Si, presidente e CEO da Volkswagen para a América do Sul e Brasil, “De cada dez carros vendidos no Brasil, dois são SUVs. Agora teremos como competir com pelo menos três (Tiguan e T-Cross) e também a Tarek (vindo da Argentina) em 2020.”

 

O T-Cross começa a sair da linha de montagem a partir de janeiro 2019 e, em três meses, fará sua estreia nas lojas.

 

Maior investimento no estado

Com investimento de R$ 600 milhões para desenvolvimento e produção do projeto T-Cross, R$ 1,4 bilhão será destinado à ampliação e modernização da unidade fabril paranaense, o que indica que outros produtos serão feitos na planta nos próximos anos. A soma é o maior investimento já feito por uma empresa no Paraná e faz parte do plano de investimentos da empresa no Brasil, que totaliza R$ 7 bilhões.

 

No complexo, compartilhado com a Audi, já são produzidos o Golf e o Fox.

Fonte: http://www.gazetadopovo.com.br/automoveis/volks-confirma-a-producao-t-cross-no-parana-a-partir-de-2019-3cy9u8x39pezv9bjv0lzw8k1m

Esportividade é o destaque do modelo Tiguan Allspace 2019

segunda-feira, maio 14th, 2018

 

O SUV foi batizado com este nome por ser maior que o modelo fabricado na Europa

Pauta-4-2

O SUV foi batizado com este nome por ser maior que o modelo fabricado na Europa

Tiguan-traseira

 

Confortável, espaçoso e esportivo. Estas são as características do Volkswagen Tiguan Allspace 2019, que tem esse nome por ser maior que o modelo fabricado na Europa. O SUV tem como intuito concorrer com os carros do mesmo segmento e preço médio. No quesito esportividade, a nova versão vem mais potente, se comparado ao modelo mais “básico” que é o Tiguan com motor 1.4 TSI, com 150cv e 25kgfm de torque.

 

Volkswagen Tiguan Allspace 2019 vem com um motor 2.0 TSI com 220cv e 36kgfm de torque. Este motor é bem mais potente que o anterior e, considerando que é a mesma carroceria em ambos, o desempenho será muito melhor. Acompanhando esse motor temos um câmbio DSG com sete marchas em sequência. O desempenho deste motor é quase o de um esportivo. Vamos aos números:

 

  • Média de 7s de 0-100km/h. Atinge velocidade máxima de 224km/h, pesando aproximadamente 1800kg. O consumo médio desta versão é de 8,5km/l na cidade e até 10km/l na estrada.
  • As principais diferenças entre os modelos estão no aspecto visual, pois cada uma tem detalhes no design que as diferenciam e dão uma cara a cada versão, partindo da versão mais simples, com motor 1.4, 5 passageiros e para-choque não personalizado. Falando da mesma versão, porém com capacidade para sete passageiros, temos, além de mais assentos, rodas aro 18 e alguns detalhes a mais no retrovisor e nas laterais do carro.
  • Já, na versão mais superior, o modelo vem com rodas aro 19 de liga leve, um para-choque com pegada mais esportiva, sete assentos de couro tratado, tração 4×4, e claro, o potente motor 2.0 TSI, além de alguns plus, como os modos de direção e o sistema de estacionamento automático.

Fonte:  https://www.carrozeros.com/2018/04/26/volkswagen-tiguan-allspace-2019-caracteristicas-novidades

Mais luxuoso e equipado

terça-feira, abril 3rd, 2018

 

Novo Volkswagen Touareg tem multimídia com tela de 15’e versão V8 diesel

Novo Volkswagen Touareg tem multimídia com tela de 15’e versão V8 diesel

A Volkswagen apresentou a terceira geração do Touareg. Maior e mais tecnológico, o modelo é feito sobre a plataforma MLB Evo. O novo Touareg cresceu e ficou 7,7 cm mais comprido (4,87 metros) e 4,4 cm mais largo. Apesar do “fermento”, o utilitário mais luxuoso da Volks usa 48% de alumínio na carroceria e está 106 kg mais leve. O porta-malas também foi beneficiado e agora traz capacidade  para 810 litros (ante 697).

No quesito design, o SUV traz linhas retilíneas e faróis integrados à enorme grade — que combina com o porte do modelo. Na lateral, há um grande vinco que começa na porta dianteira e termina nas lanternas. Já, a traseira é mais conservadora e conta como novidade o nome Touareg na parte central da tampa do porta-malas.

Segundo a Volkswagen, o Touareg é o modelo com o maior número de equipamentos de conforto e assistência já vistos em um carro da marca. Prova disso é que ele traz faróis matrix led, sistema head-up display, bancos dianteiros com função massagem, sistema de som com 730 watts e teto solar panorâmico. Há ainda sistema de condução semi-autônoma, frenagem automática, assistente de manutenção em faixa, visão noturna com câmera térmica (detecta pessoas e animais) e alerta de tráfego cruzado. Como opcional, o modelo pode receber suspensão pneumática com regulagem de altura.

O novo Touareg tem ainda sistema de esterçamento das rodas traseiras, que giram no sentido contrário às dianteiras em velocidades abaixo de 37 km/h. O sistema auxilia em manobras, reduzindo o raio de giro de 12,2 metros para 11,3 m em relação ao modelo anterior.

 

Fonte: https://www.automaistv.com.br/novo-volkswagen-touareg-mais-luxuoso-e-muito-equipado/

Volkswagen lança Passat 2018

terça-feira, abril 3rd, 2018

 

Modelo chega ao mercado mais equipado e mais barato

Modelo chega ao mercado mais equipado e mais barato

Pauta-3.1

A Volkswagen lançou no Brasil o Passat 2018, que chega mais equipado e mais barato do que o modelo anterior. A grande novidade da linha 2018 do Passat é a nova central multimídia Discover Pro, que permite controle por gestos com movimentos para as laterais para acessar menu, trocar de música, mudar de estação de rádio, entre outras funções. Com tela de 9,2 polegadas, o sistema tem suporte a espelhamento de smartphone pelo App-Connect (e inclui Mirror Link, Apple CarPlay e Android Auto), contando ainda com HD de 60 GB, leitor de DVD, duas entradas para cartões SD e uma entrada auxiliar.

Novidade também é que o Passat deixou de oferecer vários itens como opcionais e passou a adotá-los como equipamentos de série — manobra que faz parte da estratégia de simplificação da marca.

O principal deles é o painel de instrumentos digital configurável de 12,3 polegadas, trazendo ainda seletor de modo de condução, abertura do porta-malas ao passar os pés sob o para-choque, controle adaptativo dos amortecedores, controlador de velocidade adaptativo com frenagem de emergência e sistema de monitoramento frontal. O único opcional é o teto solar panorâmico.

Há, ainda, faróis com comutação automática e lanternas de leds, ar-condicionado de três zonas, bancos dianteiros com regulagem elétrica (com aquecimento, massageador e apoio lombar para o motorista), seis airbags, câmera de ré, porta-luvas refrigerado, chave presencial e rodas de 18 polegadas.

A motorização é a mesma do Golf GTI: um 2,0 litros turbo de 220 cv e 35,7 kgfm de torque, com câmbio automatizado de dupla embreagem de seis marchas. Segundo a Volks, o conjunto leva o sedã de 0 a 100 km/h em apenas 6,8 segundos e máxima de 246 km/h.

Fonte:https://www.automaistv.com.br/mais-equipado-e-barato-volkswagen-lanca-passat-2018/

Nova central multimídia Volkswagen

terça-feira, abril 3rd, 2018

 

Lançamento ocorre em 2019

Lançamento ocorre em 2019

 

A Volkswagen vai aproveitar o lançamento da próxima geração do Seat Leon para estrear seu novo sistema multimídia. A central renovada terá menos botões, as atualizações poderão ser feitas pela internet e os comandos de voz foram aprimorados. O “irmão espanhol” do Golf chegará ao mercado europeu em meados de 2019 e as mudanças estruturais do Leon deverão se repetir na oitava geração do Golf, que deve ser lançada depois.

A estação vai incluir também os comandos do ar-condicionado e ganhar o painel de praticamente todos os produtos do Grupo VW. A marca trabalha no desenvolvimento do sistema desde 2016.

Fonte: http://jornaldocarro.estadao.com.br/carros/volkswagen-vai-lancar-nova-central-multimidia-em-2019/

Volkswagen lança Amarok V6

quarta-feira, março 14th, 2018

 

Versão 'vitaminada' da picape tem 225cv de potência. Mesmo pesando duas toneladas, modelo acelera até os 100km/h em apenas 8 segundos

Versão ‘vitaminada’ da picape tem 225cv de potência. Mesmo pesando duas toneladas, modelo acelera até os 100km/h em apenas 8 segundos

Pauta3

Pauta3

 

A Volkswagen finalmente lançou a aguardada Amarok V6, a versão mais “vitaminada” de sua picape média. Trata-se de um V6 de 3 litros de capacidade volumétrica movido a diesel, com direito a injeção direta de combustível e um turbocompressor de geometria variável. A picape tem 225cv de potência e 56,1kgfm de torque, o bastante para acelerar até os 100km/h em 8 segundos, nada mal para um veículo de duas toneladas.

O melhor é que todo o torque está disponível já aos 1.500rpm, o que torna a picape agradável também no trânsito lento da cidade. De acordo com a Volkswagen, em relação à motorização 2.0 biturbo, que equipa as versões de topo da Amarok, o propulsor V6 é 24% mais potente e tem 31% mais torque.

Para completar o conjunto mecânico, o câmbio é automático de 8 marchas (que podem ser trocadas manualmente por aletas) e a tração é integral. Além do acionamento dos comandos por correntes, que não requerem manutenção, os circuitos de arrefecimento do cabeçote e do bloco são separados. A cabine traz muito conforto, a começar pelos bancos dianteiros com 14 ajustes e revestido em couro. A conetividade é caprichada, com o sistema de infotainment Discover Media, com tela tátil de 6,33 polegadas. É a central mais completa da Volkswagen, com várias funções comandadas por voz: navegador GPS integrado, telefonia, câmera de ré, leitor de CD, duas entradas para cartão SD, entradas USB e auxiliar. Também é possível espelhar o smartphone na telinha. O sistema fornece três indicadores off-road exclusivos para esta versão: bússola, ângulo de direção das rodas e altímetro (em referência ao nível do mar).

O pacote Highline oferece uma extensa lista de equipamentos. A segurança também foi levada a sério: airbags frontais e laterais de tórax e de cabeça para motorista e passageiro, sistema Isofix para fixação de cadeiras infantis, freios a disco nas quatro rodas com assistência ABS off-road (que auxilia na frenagem sobre piso solto), controle eletrônico de tração e estabilidade, controle automático de descida, assistente para partida em subida, sistema de assistência à frenagem, bloqueio eletrônico do diferencial, indicador de perda de pressão dos pneus e sistema de frenagem automática pós-colisão (que aciona automaticamente os freios do veículo quando ele se envolve em uma batida).

A nova versão de topo da Amarok se diferencia visualmente pelos logotipos na grade do radiador e na tampa traseira, além dos retrovisores pintados em preto Mystic, com detalhes cromados. O conjunto ótico traz faróis bixenônio, luzes de rodagem diurna em LED e faróis de neblina com luz de conversão estática. A Amarok V6 Highline será vendida nas cores branco Cristal (sólida), preto Mystic (perolizada), prata Sírius e cinza Indium (metálicas).

Fonte:

https://estadodeminas.vrum.com.br/app/noticia/noticias/2018/03/04/interna_noticias,53064/volkswagen-lanca-amarok-v6-por-r-184-990.shtml

Virtus: novas percepções em design, inovação e alta performance

sexta-feira, fevereiro 9th, 2018

 

O primeiro sedã construído sobre a Estratégia Modular MQB no país

O primeiro sedã construído sobre a Estratégia Modular MQB no país

 

Um carro global, inédito e que apresenta novas percepções em design, inovação e alta performance. Assim é o Volkswagen Virtus, o primeiro sedã construído sobre a Estratégia Modular MQB no país. O Brasil será o primeiro mercado do mundo a comercializar o Volkswagen Virtus, a partir deste mês, trazendo novas concepções de aproveitamento de espaço interno e conforto. Além disso, o modelo conta com design único e níveis de acabamento que seguem os mais rigorosos padrões mundiais de qualidade, marca registrada da Volkswagen no mundo.

O Virtus será comercializado com duas opções de motores e duas de transmissão. São três versões de acabamento: Virtus MSI (motorização 1.6) com transmissão manual de 5 velocidades, Comfortline 200 TSI e Highline 200 TSI com transmissão automática Tiptronic de 6 velocidades. O modelo tem garantia total de três anos, sem limite de quilometragem.

Design: forte em todos os ângulos

O Virtus traz linguagem visual exclusiva, desenvolvida com base em pesquisas com clientes. O sedã tem personalidade própria, resultando em um design com linhas rápidas. Suas proporções são dinâmicas, com silhueta alongada; as medidas não deixam dúvidas quanto à sua vocação em proporcionar o máximo conforto: distância entre-eixos de 2.651 mm, comprimento externo de 4.482 mm, largura de 1.751 mm e altura de 1.472 mm.

 

Interior: conforto é palavra de ordem

O espaço efetivo para as pernas dos passageiros do banco traseiro é impressionante, quase 1 metro. A modularidade dos bancos é outro fator que colabora para a ergonomia e o ótimo aproveitamento de espaço. Mais do que capacidade para acomodar cinco adultos, o novo sedã Volkswagen pode transportar grandes objetos. Não é para menos: são 521 litros de capacidade no porta-malas, um dos maiores da categoria e suficiente para guardar uma grande quantidade de malas.

 

Refinado em todas as configurações

O Virtus tem acabamento requintado e elaborado. A versão Highline traz um interior sofisticado, em tom mais escuro; para a versão Comfortline o tom escolhido foi o cinza, adequado ao perfil do cliente que busca percepção de valor.

 

Dirigibilidade exemplar e excelente desempenho

Em qualquer versão do Virtus o motorista encontra a posição ideal de dirigir – o assento do condutor tem ajuste de altura de série em todas as versões. Há oferta de regulagem de altura e distância do volante para melhorar ainda mais a ergonomia.

O acerto da suspensão colabora para a excelente dirigibilidade e conforto em condições de rodagem nas ruas e estradas. O Virtus é equipado com o motor 200 TSI e transmissão automática de 6 marchas. Essa transmissão oferece a opção de trocas manuais sequenciais Tiptronic, operada por meio da alavanca de câmbio ou pelas aletas “shift paddles” no volante.

A potência máxima desse motor é de 128 cv com etanol e 116 cv com gasolina com torque de 200Nm, aceleração de 0 a 100 km/h em 9,9 segundos e podendo atingir velocidade máxima de 194 km/h quando abastecido com etanol.

O Virtus é equipado com pneus “verdes”, de baixa resistência ao rolamento, que colaboram para a redução no consumo de combustível – sem deixar de lado a alta performance dinâmica, em dirigibilidade, frenagens e estabilidade. Serão três as medidas de rodas disponíveis: 15, 16 e 17 polegadas.

Motor TSI de 128cv e 200Nm – o maior torque da categoria

As versões Comfortline e Highline do Virtus estarão disponíveis exclusivamente com o motor 200 TSI. Com três cilindros e 999 cm³ de cilindrada, esse motor é capaz de rodar com gasolina, etanol ou a mistura dos dois combustíveis em qualquer proporção. Sua potência máxima é de 128cv a 5.500rpm, com torque máximo de 200Nm a 1.500rpm.

 

Motor 1.6 MSI – eficiência e desempenho

O motor 1.6 MSI que compõe a oferta do Novo Polo é da família EA211, com quatro cilindros e 16 válvulas Total Flex, sua potência máxima é de 117cv a 5.750 rpm, com torque máximo de 162Nm a 4.000 rpm.

 

Nova transmissão automática de seis velocidades – conforto, desempenho e baixo consumo de combustível

Caracterizado pela suavidade nas arrancadas e trocas rápidas de velocidade, a nova transmissão automática oferece trocas manuais sequenciais Tipronic, operada por meio da alavanca de câmbio ou pelas aletas (shifts paddles) no volante. O motorista também conta com o modo de acionamento esportivo (posição “S”), que altera os momentos das trocas de marchas para rotações mais elevadas.

 

Assistência e infotainment – condução mais agradável

Sistemas de assistência e infotainment anteriormente disponíveis apenas em veículos de classes superiores estão disponíveis no Virtus. O objetivo é ir além da melhoria em economia e a eficiência – é também proporcionar uma condução mais agradável e confortável, contando com os mais modernos sistemas de segurança.

 

Segurança Premium

Todas as versões do Virtus são equipadas com M-ABS, que inclui o sistema de freios antitravamento ABS (um dos mais modernos disponíveis) e outros recursos de segurança, como:

  • EBD(distribuição eletrônica das forças de frenagem), que distribui eletronicamente as forças de frenagem entre os eixos traseiro e dianteiro, garantindo a estabilidade e a segurança;
  • TC(Controle de Tração), que tem a função de reduzir o escorregamento das rodas durante a aceleração ou quando o veículo começa a destracionar, em curvas acentuadas, controlando eletronicamente o torque do motor;
  • ESC(Controle Eletrônico de Estabilidade) é equipado de série nas versões TSI e opcional para as versões MSI, esse sistema reconhece um estágio inicial de que situação de rodagem crítica está para acontecer. Compara os comandos do motorista com as reações do veículo a esse comando. Se necessário o sistema reduz o torque de motor e freia uma ou várias rodas até atingir a condição de estabilidade;
  • Airbags: Todas as versões possuem quatro airbags – dois dianteiros e dois laterais. De grandes dimensões, as bolsas laterais protegem para cabeça e tórax e restringem o movimento do corpo durante um impacto, elevando significativamente a segurança dos ocupantes.

 

Novidade!

O Virtus Highline 200 TSI terá as três primeiras revisões básicas totalmente gratuitas. As revisões (10.000km ou 1 ano / 20.000km ou 2 anos / 30.000km ou 3 anos), conforme publicadas no site da Volkswagen, incluem as inspeções de diversos itens e a substituição das seguintes peças: óleo do motor, filtro de óleo, anel de vedação e filtro de combustível, além da mão de obra. Outros serviços e itens não estão previstos no pacote de gratuidade.

 

Um carro global, inédito e que apresenta novas percepções em design, inovação e alta performance. Assim é o Volkswagen Virtus, o primeiro sedã construído sobre a Estratégia Modular MQB no país. O Brasil será o primeiro mercado do mundo a comercializar o Volkswagen Virtus, a partir deste mês, trazendo novas concepções de aproveitamento de espaço interno e conforto. Além disso, o modelo conta com design único e níveis de acabamento que seguem os mais rigorosos padrões mundiais de qualidade, marca registrada da Volkswagen no mundo.

O Virtus será comercializado com duas opções de motores e duas de transmissão. São três versões de acabamento: Virtus MSI (motorização 1.6) com transmissão manual de 5 velocidades, Comfortline 200 TSI e Highline 200 TSI com transmissão automática Tiptronic de 6 velocidades. O modelo tem garantia total de três anos, sem limite de quilometragem.

Design: forte em todos os ângulos

O Virtus traz linguagem visual exclusiva, desenvolvida com base em pesquisas com clientes. O sedã tem personalidade própria, resultando em um design com linhas rápidas. Suas proporções são dinâmicas, com silhueta alongada; as medidas não deixam dúvidas quanto à sua vocação em proporcionar o máximo conforto: distância entre-eixos de 2.651 mm, comprimento externo de 4.482 mm, largura de 1.751 mm e altura de 1.472 mm.

 

Interior: conforto é palavra de ordem

O espaço efetivo para as pernas dos passageiros do banco traseiro é impressionante, quase 1 metro. A modularidade dos bancos é outro fator que colabora para a ergonomia e o ótimo aproveitamento de espaço. Mais do que capacidade para acomodar cinco adultos, o novo sedã Volkswagen pode transportar grandes objetos. Não é para menos: são 521 litros de capacidade no porta-malas, um dos maiores da categoria e suficiente para guardar uma grande quantidade de malas.

 

Refinado em todas as configurações

O Virtus tem acabamento requintado e elaborado. A versão Highline traz um interior sofisticado, em tom mais escuro; para a versão Comfortline o tom escolhido foi o cinza, adequado ao perfil do cliente que busca percepção de valor.

 

Dirigibilidade exemplar e excelente desempenho

Em qualquer versão do Virtus o motorista encontra a posição ideal de dirigir – o assento do condutor tem ajuste de altura de série em todas as versões. Há oferta de regulagem de altura e distância do volante para melhorar ainda mais a ergonomia.

O acerto da suspensão colabora para a excelente dirigibilidade e conforto em condições de rodagem nas ruas e estradas. O Virtus é equipado com o motor 200 TSI e transmissão automática de 6 marchas. Essa transmissão oferece a opção de trocas manuais sequenciais Tiptronic, operada por meio da alavanca de câmbio ou pelas aletas “shift paddles” no volante.

A potência máxima desse motor é de 128 cv com etanol e 116 cv com gasolina com torque de 200Nm, aceleração de 0 a 100 km/h em 9,9 segundos e podendo atingir velocidade máxima de 194 km/h quando abastecido com etanol.

O Virtus é equipado com pneus “verdes”, de baixa resistência ao rolamento, que colaboram para a redução no consumo de combustível – sem deixar de lado a alta performance dinâmica, em dirigibilidade, frenagens e estabilidade. Serão três as medidas de rodas disponíveis: 15, 16 e 17 polegadas.

Motor TSI de 128cv e 200Nm – o maior torque da categoria

As versões Comfortline e Highline do Virtus estarão disponíveis exclusivamente com o motor 200 TSI. Com três cilindros e 999 cm³ de cilindrada, esse motor é capaz de rodar com gasolina, etanol ou a mistura dos dois combustíveis em qualquer proporção. Sua potência máxima é de 128cv a 5.500rpm, com torque máximo de 200Nm a 1.500rpm.

 

Motor 1.6 MSI – eficiência e desempenho

O motor 1.6 MSI que compõe a oferta do Novo Polo é da família EA211, com quatro cilindros e 16 válvulas Total Flex, sua potência máxima é de 117cv a 5.750 rpm, com torque máximo de 162Nm a 4.000 rpm.

 

Nova transmissão automática de seis velocidades – conforto, desempenho e baixo consumo de combustível

Caracterizado pela suavidade nas arrancadas e trocas rápidas de velocidade, a nova transmissão automática oferece trocas manuais sequenciais Tipronic, operada por meio da alavanca de câmbio ou pelas aletas (shifts paddles) no volante. O motorista também conta com o modo de acionamento esportivo (posição “S”), que altera os momentos das trocas de marchas para rotações mais elevadas.

 

Assistência e infotainment – condução mais agradável

Sistemas de assistência e infotainment anteriormente disponíveis apenas em veículos de classes superiores estão disponíveis no Virtus. O objetivo é ir além da melhoria em economia e a eficiência – é também proporcionar uma condução mais agradável e confortável, contando com os mais modernos sistemas de segurança.

 

Segurança Premium

Todas as versões do Virtus são equipadas com M-ABS, que inclui o sistema de freios antitravamento ABS (um dos mais modernos disponíveis) e outros recursos de segurança, como:

  • EBD(distribuição eletrônica das forças de frenagem), que distribui eletronicamente as forças de frenagem entre os eixos traseiro e dianteiro, garantindo a estabilidade e a segurança;
  • TC(Controle de Tração), que tem a função de reduzir o escorregamento das rodas durante a aceleração ou quando o veículo começa a destracionar, em curvas acentuadas, controlando eletronicamente o torque do motor;
  • ESC(Controle Eletrônico de Estabilidade) é equipado de série nas versões TSI e opcional para as versões MSI, esse sistema reconhece um estágio inicial de que situação de rodagem crítica está para acontecer. Compara os comandos do motorista com as reações do veículo a esse comando. Se necessário o sistema reduz o torque de motor e freia uma ou várias rodas até atingir a condição de estabilidade;
  • Airbags: Todas as versões possuem quatro airbags – dois dianteiros e dois laterais. De grandes dimensões, as bolsas laterais protegem para cabeça e tórax e restringem o movimento do corpo durante um impacto, elevando significativamente a segurança dos ocupantes.

 

Novidade!

O Virtus Highline 200 TSI terá as três primeiras revisões básicas totalmente gratuitas. As revisões (10.000km ou 1 ano / 20.000km ou 2 anos / 30.000km ou 3 anos), conforme publicadas no site da Volkswagen, incluem as inspeções de diversos itens e a substituição das seguintes peças: óleo do motor, filtro de óleo, anel de vedação e filtro de combustível, além da mão de obra. Outros serviços e itens não estão previstos no pacote de gratuidade.

 

Saiba mais do Virtus em:

https://www.vw.com.br/pt/carros/virtus.html

 

Fonte: Breitkopf Veículos

 

 

 

Novidade Volks: Amarok V6

sexta-feira, fevereiro 9th, 2018

 

Modelo chegará ao mercado brasileiro nos próximos meses

Modelo chegará ao mercado brasileiro nos próximos meses

 

A Volkswagen anunciou o início da pré-venda da nova Amarok V6 na Argentina. O modelo, que inclusive chegará ao mercado brasileiro nos próximos meses, chega para se posicionar como a opção topo de linha da picape. No período de pré-venda, a marca oferece 400 exemplares da picape mais potente em duas versões diferentes. As entregas terão início no mês de junho. A nova Volkswagen Amarok é equipada com um motor 3.0 litros V6 turbodiesel, capaz de gerar 224 cavalos de potência, com transmissão automática ZF de oito velocidades e sistema de tração integral 4Motion – a marca estuda oferecer a Amarok V6 com câmbio manual e tração nas quatro rodas. O modelo consegue acelerar de 0 a 100 km/h em 7,9 segundos e atinge velocidade máxima de 193 km/h.

Entre os itens de série, a Amarok V6 oferece quatro airbags, freios ABS off-road, controles de estabilidade e tração, encosto de cabeça e cinto de três pontos para todos os ocupantes, freios a disco traseiros de 16 polegadas, Isofix, sistema multimídia com tela sensível ao toque de 6,3 polegadas, Bluetooth, Apple CarPlay, Android Auto, navegador GPS e câmera de ré, sensores de estacionamento, rodas de 19 ou 20 polegadas, entre outros.

Mercado – participação da Amarok em alta

A Amarok tem hoje 11% de participação no mercado de picapes médias, e a montadora espera fechar o ano com 13% (as unidades que forem vendidas no processo de pré-venda não serão contabilizadas como vendas deste ano porque só serão emplacadas no ano que vem). Em 2016 foram vendidas 8.302 unidades da Amarok. De janeiro a novembro de 2017 emplacaram 11.550 unidades – alta de 39%, enquanto o mercado de picapes médias cresceu 8%.

Fonte: https://www.car.blog.br/2017/12/volkswagen-amarok-v6-2018-precos-e.html e https://www.noticiasautomotivas.com.br/volkswagen-amarok-v6-2018-comeca-a-ser-oferecida-em-pre-venda-na-argentina/

 

Lançamentos da Volkswagen até 2020

terça-feira, janeiro 9th, 2018

 

Conheça alguns modelos que a fabricante alemã lançará em breve no Brasil e região

Conheça alguns modelos que a fabricante alemã lançará em breve no Brasil e região

 

Volkswagen não esconde sua meta de retomar a liderança em vendas no mercado brasileiro e quer se projetar ainda mais na região da América Latina. Para tanto, a fabricante alemã mostra uma mudança de postura cada vez mais, colocando fim ao mistério dos 20 novos modelos que serão lançados pela companhia até o início da próxima década, começando com o Novo Polo.

Começando pelas novidades que estão mais próximas de chegar às lojas, depois do Novo Polo é a vez do sedã derivado Virtus estrear nas concessionárias entre o fim de janeiro e, no mais tardar, início de fevereiro. Ainda no primeiro trimestre, a Volkswagen coloca em sua conta de 20 novidades os já revelados Fox Connect e Fox Xtreme, versões de custo-benefício para posicionar o veterano hatch compacto como uma alternativa viável ao Novo Polo. O Fox Xtreme também ocupará o nicho de mercado do extinto CrossFox.

 

Boa notícia para os fãs de esportividade é que a Volkswagen acaba de confirmar versões GTS (Gran Turismo Sport) para o Polo e o Virtus. Ainda na nova família de compactos que utilizam MQB-A0, se juntarão ao Polo e ao Virtus, o SUV T-Cross no segundo semestre de 2018. Um ponto interessante é que a partir de agora fica claro que o quarto modelo dessa família inédita será a sucessora da Saveiro, como a sigla “NF”, do alemão NachFolger (sucessor). Apesar de manter o nome, a picape será completamente diferente da Saveiro atual, crescendo em tamanho. Na gama de modelos atual da Volkswagen, os veteranos Gol e Voyage ganharão uma sobrevida pelos menos no curto prazo.

 

Por falar em subcompacto, a Volkswagen reside na designação “A0 CUV”,  onde passa aoferecer ao público um utilitário esportivo pequeno e mais barato para fazer frente ao nicho de hatches “aventureiros”. Diretamente da Argentina, além de melhorias na Amarok já produzida por lá, a América do Sul receberá do país vizinho um novo SUV médio da marca, que pelo menos é chamado de “projeto Tarek”, mas deverá adotar o nome Tharu quando for lançado.

 

Como já era esperado, a Volkswagen reiterou a importação de modelos como o Passat e o Golf com os mais recentes facelifts que eles estrearam na Europa, assim como a nova geração do Jetta, sedã médio que deverá ser revelado ainda neste mês nos EUA com a primeira aparição pública prevista para este mês no Salão de Detroit. Um fato inédito é que a Volkswagen confirmou a importação do Atlas para nossa região, SUV de grande porte com capacidade para 7 passageiros. O modelo inclusive, já figurou no Salão de Buenos Aires em 2017 em uma espécie de teste para a receptividade do público ao utilitário esportivo.

 

Por fim, não podemos esquecer que a Volkswagen formalizou a chegada do elétrico e-Golf e do híbrido Golf GTE também para 2018 no Brasil e Argentina, modelos que iniciam a presença da marca Volkswagen na área da eletromobilidade em nossa região.

 

Fonte: https://www.autoo.com.br/vw-abre-o-jogo-e-revela-todos-os-lancamentos-ate-2020/