Posts Tagged ‘Brasil’

Volkswagen revela sketches do “New Urban Coupé”, que será fabricado em 2020

quarta-feira, setembro 25th, 2019

 

A chegada do modelo marcará a entrada no mercado de um novo sistema multimídia, totalmente desenvolvido no Brasil

A chegada do modelo marcará a entrada no mercado de um novo sistema multimídia, totalmente desenvolvido no Brasil

 

A Volkswagen planeja lançar 20 novos modelos até 2020, dos quais 13 já chegaram ao mercado brasileiro. Dos R$ 7 bilhões que a Volkswagen irá investir no Brasil até o próximo ano, cerca de R$ 5 bilhões estão sendo direcionados para as fábricas paulistas. Desse montante, para as novidades que serão apresentadas, as unidades paulistas receberão investimentos da ordem de R$ 2,4 bilhões. Uma das principais novidades é um modelo todo desenvolvido no País, que mescla características de SUV e cupê, e conta com um grande potencial para exportação: o T-Sport. A chegada do modelo marcará também a entrada no mercado de um novo sistema multimídia, totalmente desenvolvido no Brasil.

A produção do “New Urban Coupé” ocorrerá na unidade Anchieta e só foi possível graças ao acordo coletivo com os empregados, por meio do sindicato dos metalúrgicos do ABC. Cerca de 50 engenheiros trabalharam neste projeto. Como destaques, o novo sistema multimídia traz usabilidade mais intuitiva e alto nível de conectividade e personalização.

Para reforçar o desenvolvimento de novos produtos, na área de Engenharia e Design, foram contratados 100 profissionais, que se somaram aos 850 existentes. Ferramentas de Indústria 4.0, como impressoras 3D e processos digitalizados, integrarão a produção do novo veículo.

A próxima novidade será o Golf GTE, provavelmente no mês de outubro.

Fonte: autorealidade.com.br

Amarok V6 é uma das picapes com menos desvalorização no Brasil

sexta-feira, julho 19th, 2019

 

De acordo com o site da Exame, o modelo Volkswagen perde apenas 7,81% de seu valor no primeiro ano

De acordo com o site da Exame, o modelo Volkswagen perde apenas 7,81% de seu valor no primeiro ano

 

Está pensando em comprar um carro zero, mas pensa na depreciação? A pesquisa realizada pela KBB Brasil (Kelley Blue Book), a pedido do site Exame, apurou o nível de depreciação dos veículos com tração nas quatro rodas mais vendidos de 2018.

A Volkswagen Amarok V6, picape média mais tecnológica e potente do Brasil, passa a ser também uma das picapes que menos desvaloriza no mercado de usados, perdendo apenas 7,81% no primeiro ano de uso.

“Esse resultado reforça a ótima imagem que o produto Amarok tem no mercado. Um índice tão baixo para um veículo de cerca de R$ 190 mil mostra que a picape Volkswagen está no caminho certo. A Amarok vem conquistando cada vez mais consumidores, seja de modelos novos ou de usados, por sua robustez, tecnologia e desempenho sem precedentes na categoria”, explica Rodrigo Lombardi, gerente de Veículos de Comerciais Leves da Volkswagen.

Fonte: portaldaautopeca.com.br

VW começa a implementar conceito de concessionária virtual no Brasil

quarta-feira, março 13th, 2019

 

Por enquanto, são 10 pontos, que passarão a 30 até o fim de março e cerca de 100 até o fim do ano

Por enquanto, são 10 pontos, que passarão a 30 até o fim de março e cerca de 100 até o fim do ano

 

A Volkswagen é a primeira marca instalada no Brasil a adotar um novo modelo de concessionária virtual. O projeto piloto está funcionando em 10 pontos de venda com um modelo mais enxuto e com recursos digitais como tela de alta resolução sensível ao toque e óculos de realidade virtual. Os planos da VW incluem instalar mais de 100 pontos com o novo conceito de concessionária virtual no Brasil até o fim de 2019.

Ao colocar os óculos, o cliente é transportado para o mundo virtual, mas que parece real, tamanho o nível de detalhes. Basta fixar o olhar para o carro escolhido que, em instantes, sua visão passa a ser em frente ao volante. Então, mudando o foco para diversos pontos do interior, como central multimídia, quadro de instrumentos, sistema de som, entre outros, aparecem detalhes sobre cada item. O sistema de concessionária virtual é atualizado diariamente.

Com o novo modelo de concessionária virtual, a Volkswagen mostra mais um exemplo de que deixou de ser a marca apenas de um carro de sucesso, como o Gol, líder de vendas por 26 anos consecutivos, mas sim, uma fabricante que segue no caminho da nova era digital, com conceito simples, mas que deverá fazer toda diferença no mercado cada vez mais competitivo e desafiador.

Breitkopf recebe premiação no MC Awards 2018

quinta-feira, dezembro 6th, 2018

 

Concessionária foi reconhecida com o melhor anúncio por meio de Outdoor

Concessionária foi reconhecida com o melhor anúncio por meio de Outdoor

 

A concessionária Breitkopf foi premiada na Mídia Cooperada Awards 2018 com o melhor anúncio por meio de Outdoor. Criada pela Volks, a marca criou a premiação com o objetivo de reconhecer as melhores ações realizadas pelas concessionárias de todo o Brasil.

Fonte: Breitkopf Veículos

Sétima geração do Volkswagen Jetta estreia no Brasil

quinta-feira, outubro 4th, 2018

 

O novo sedã médio vem totalmente renovado, com maior porte e mais equipamentos para enfrentar a concorrência

O novo sedã médio vem totalmente renovado, com maior porte e mais equipamentos para enfrentar a concorrência

Pauta-5

O sedã está confirmado para chegar às lojas em outubro em duas versões: Comfortline e R-Line. A sétima geração do Volkswagen Jetta estreia no Brasil totalmente renovada, com maior porte e mais equipamentos para enfrentar a concorrência.

Visualmente, o novo Jetta traz um perfil mais esportivo. O sedã segue essa linha por conta da maior grade dianteira, que forma um desenho integrado aos faróis. Os vincos ficaram mais demarcados na carroceria, enquanto a traseira está mais baixa e curta, seguindo uma linha mais cupê do que um modelo três volumes tradicional. E é nessa característica que ele se parece bastante com o Virtus, o sedã do Polo.

Além do estilo totalmente novo, a sétima geração do Jetta ficou maior em todas as dimensões. Isso é fruto da adoção da versátil plataforma MQB. Com isso, o Jetta passa a medir 4,70 metros de comprimento (4,3 centímetros a mais) e 1,80 m de largura (2,1 cm a mais), enquanto a altura de 1,47 m permaneceu igual ao modelo antigo. O entre-eixos aumentou em 3,7 cm, passando a 2,68 m, aumentando o espaço interno. Já, o porta-malas seguiu com a mesma capacidade de 510 litros.

Por dentro, há uma semelhança com o desenho da dupla Polo/Virtus, mas com a vantagem de contar com acabamento mais bem cuidado, a exemplo das superfícies emborrachadas que aparecem no painel e nas portas. Destaque na versão R-Line é o painel de instrumentos digital configurável com tela de 10,25 polegadas, além da iluminação ambiente, que conta com 10 opções de cores para o motorista escolher.

Debaixo do capô, a Volkswagen manteve o eficiente motor 1.4 TSI flex de até 150 cv e 25,5 kgfm de torque (ou 250 nm, no qual a sigla 250 TSI se refere). A transmissão automática é a mesma Tiptronic, com seis marchas.

Confira a lista de equipamentos de cada versão do novo Jetta:

Jetta Comfortline 250 TSI: essa versão traz ar-condicionado digital de duas zonas, seis airbags (frontais, laterais e de cortina), faróis de led, controle de estabilidade e tração, assistente de partida em rampa, sensor de estacionamento dianteiro e traseiro, e central multimídia Discover Media com tela de 8 polegadas, além de integração com Apple CarPlay e Android Auto. Há ainda rodas de liga leve de 17 polegadas, chave presencial para acesso e partida, volante multifuncional com regulagem de altura e distância, bancos de couro, frenagem de emergência para manobras de ré, bloqueio eletrônico de diferencial e seletor de modo de condução. Teto solar é opcional.

Jetta R-Line 250 TSI: se diferencia pela grade dianteira em preto brilhante e soma mais itens como o painel de instrumentos digital Active Info Display, controle de velocidade adaptativo, frenagem autônoma de emergência, frenagem pós-colisão e farol alto automático. Soma também rodas de liga leve de 17 polegadas com desenho exclusivo e acabamento escurecido, detector de fadiga e alerta de distância. Teto solar é opcional.

Os modelos Jetta já estão disponíveis nas concessionárias Breitkopf de Blumenau e Brusque, localizadas na Rua São Paulo, 2001, e Avenida Otto Renaux, 346, respectivamente. Venha fazer um Best Drive!

 

Fonte: automaistv.com.br

David Powels quer turbinar a Volkswagen do Brasil

segunda-feira, setembro 28th, 2015

Nota-1---Divid-Powels

Créditos da foto: Gabriel Chiarastelli

O novo CEO da montadora alemã no Brasil, o sul-africano David Powels, pretende lidar com o cenário econômico atual do País com a tranquilidade de quem atua em um setor em que é preciso encarar os desafios de curto prazo, de olho no futuro. Para o experiente Powels, que já trabalhou no Brasil de 2002 a 2007 e foi responsável pelas finanças e contabilidade da filial, a Volkswagen já presenciou situações semelhantes à atual, mas isso não impediu a empresa de crescer e inovar.

O primeiro voto de confiança na economia brasileira foi demonstrado com o investimento de R$ 460 milhões na fábrica de motores de São Carlos, no interior paulista, em meados de julho. A maior parte desse montante, foi utilizado na produção dos motores com tecnologia TSI (turbo), encontrada no compacto UP!

Além disso, Powels definiu como linhas estratégicas ganhos de produtividade e fortalecimento do portfólio, com veículos de maior valor agregado.  A produção da nova versão do Golf, na fábrica de São José dos Pinhais, no Paraná, e a montagem do Jetta, em São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, permitindo maior flexibilidade na hora de fixar o preço de venda dos produtos e a possibilidade de expansão nas exportações, que é um quesito importante quando o mercado doméstico está enfraquecido.

Apesar do cenário preocupante, a Volkswagen, que já está no Brasil há 62 anos e ocupa o status de ser o primeiro país a receber uma fábrica fora da Alemanha, não assusta o experiente CEO, que afirmou realizar os ajustes necessários à nova realidade do mercado e espera um avanço na economia de 4% a 6 %.

Fonte: Isto É Dinheiro

43ª WorldSkills Competition foi patrocinada pela Volkswagen do Brasil

terça-feira, setembro 1st, 2015

Nota-03---WorldSkills

Evento ocorreu de 11 a 16 de agosto, em São Paulo

A Volkswagen do Brasil foi a patrocinadora ouro da 43ª WorldSkills Competition, a maior competição de educação profissional do mundo, que aconteceu pela primeira vez no Brasil, de 11 a 16 de agosto. O evento reuniu mais de 1,2 mil competidores, de 59 países, que participaram de provas de conhecimento e habilidade relacionadas a 50 profissões técnicas da indústria e setor de serviços, como Robótica, Desenho Mecânico, Soldagem, Construção de Moldes, Eletricidade Industrial, Web Design e Confeitaria.

Na competição, os participantes realizaram simulações de situações reais do mercado de trabalho e cumprir todas as tarefas dentro do prazo estabelecido e de acordo com os padrões internacionais de qualidade. A Volkswagen do Brasil disponibilizou 10 modelos (9 Tiguan e 1 Golf) e 22 carrocerias do up! que foram usados em quatro estações: “Prova de Transmissão”, “Prova de Eletroeletrônica Automotiva”, “Prova de Carrocerias” e “Prova de Teste de Airbag”.

A marca também teve um estande em formato de Try-a-Skill (“Experimente uma Habilidade”) para proporcionar uma experiência real e interativa aos visitantes. O estande de 80m² foi representado pelos projetos da Academia Volkswagen e Recursos Humanos, com foco na conscientização dos visitantes sobre a importância de ser um profissional bem preparado para o mercado de trabalho. Os visitantes puderam participar de um quiz interativo e oficinas de experimentação, além da apresentação técnica sobre as tecnologias aplicadas no Golf GTI com profissionais e instrutores capacitados.

No estande da Volkswagen do Brasil, o visitante pode ver também, de perto, os modelos Golf GTI e up! TSI, além de um motor MSI 1.6, que foram expostos durante todo o evento, além de participar do sorteio de uma bolsa personalizada recheada de brindes (bloco de anotações com capa de couro, canetas, lapiseiras, cadernos, camisetas, entre outros) e conhecer os projetos de educação realizados pela empresa no Brasil, como o Programa Wanderjahre, o Programa de Trainee Start Up Brasil, os estágios Internacional e Profissionalizante e o Programa Jovem Cidadão.

Promovida pela WordSkills International, a competição é realizada a cada dois anos em um país diferente. No Brasil, a disputa foi distribuída em seis áreas: Tecnologias de Manufatura e Engenharias, Tecnologia da Informação e Comunicação, Tecnologias da Construção Civil e Edificações, Transporte e Logística, Moda e Criatividade e Serviços.

Fonte: Volkswagen do Brasil

 

Golf e Golf Variant são eleitos os melhores veículos de suas categorias pelo Jornal do Carro

terça-feira, setembro 1st, 2015

A Volkswagen conquistou o prêmio de “melhor veículo” em três categorias na edição especial publicada no dia 26 de agosto pelo Jornal do Carro, do jornal O Estado de S. Paulo. Na 10ª edição dos melhores carros à venda no Brasil, a redação do jornal elegeu o Golf como o melhor “Hatch Médio” e o Golf Variant como a melhor “perua”. Além disso, na votação dos leitores (que opinaram por meio do site do jornal), o Golf foi novamente o grande vencedor. O modelo, que já havia recebido esse título na eleição do ano passado, obteve 1.591 votos, totalizando 12,2% dos votos do público.

Nota-02---Golf-Comfortline

Com o título “Médio queridinho”, a reportagem diz que “o Golf foi eleito o carro do ano na Europa, foi o Carro do Jornal do Carro em 2014 e continua a sua saga vitoriosa ao conquistar o título de melhor hatch médio até R$ 80 mil”. A publicação também destaca a versatilidade da plataforma MQB utilizada pelo Golf, que impressiona pela solidez de construção. O desempenho também é elogiado: “Na versão de entrada, o motor 1.4 turbo é incansável e parece ter bem mais que 140 cv, tamanha a disposição para acelerar forte. O bom torque, de 25,5 mkgf a 1.500 rpm, contribui para esse comportamento”.

Nota-02---Golf-Variant-Highline

O Golf Variant, que chegou ao Brasil neste ano, estreou em alto estilo, segundo o jornal. “O Golf Variant mantém os bons atributos do “irmão” (Golf) e ainda oferece mais espaço interno. São 4,56 metros de comprimento – os 30,7 cm a mais que o hatch ficam atrás das rodas traseiras, o que se traduz em 605 litros de capacidade no porta-malas, algo excelente para viagens em família com até cinco pessoas a bordo (…) Importado do México, o Golf Variant parte de R$ 87.490 e não tem concorrentes diretos no mercado nacional”. O desempenho também é destacado: “Assim como ocorre no hatch, o motor com turbo, injeção direta de gasolina e comando duplo variável é muito elástico. E, como o torque fica disponível a partir de 1.500 rpm, o 1.4 parece ter bem mais que 140 cv de potência”.

 

Fonte: Volkswagen do Brasil

 

Showroom Breitkopf no Shopping Park Europeu

sexta-feira, janeiro 30th, 2015

Showroom-Breitkopf-no-Shopping-Park

A Breitkopf Veículos fechou parceria com o Shopping Park Europeu, em Blumenau, e desde dezembro está com um showroom montado no primeiro piso do empreendimento, em frente aos caixas eletrônicos. O espaço reservado à Breitkopf Veículos está aberto todos os dias das 11 às 14h e das 17 às 20h. “É uma ótima oportunidade para sanar as dúvidas dos clientes em relação a preços, novidades e lançamentos dos veículos Volkswagen”, diz o diretor de vendas da Breitkopf Veículos, Alceu Peixer Filho.

Volkswagen dá os primeiros passos na produção do Golf no Brasil

sexta-feira, janeiro 30th, 2015

Volkswagen-dá-os-primeiros-passos-na-produção-do-Golf-no-Brasil-(2)

A sétima geração do Golf (ou a terceira, para nós) vendida no mercado brasileiro já teve diversas origens diferentes. De início, o hatch médio da Volkswagen era importado da Alemanha, com o mesmo refinamento e equipamentos da versão oferecida aos europeus. Mas há alguns meses, o modelo passou a ser trazido do México, sem pagar impostos de importação e com alguns itens de série retirados, mas pelos mesmos preços. Desta vez, a marca vai produzi-lo no Brasil.

A fábrica de São José dos Pinhais (PR), que comemorou recentemente seus 16 anos, recebeu um investimento de R$ 530 milhões para abrigar a linha de produção do novo Golf, aumentando a capacidade produtiva do local em 20 por cento. O início da fabricação do automóvel na unidade fabril paranaense acontece dois anos após o anúncio do investimento.

A primeira carroceria do modelo, inclusive, já foi produzida na fábrica. De início, a produção do Golf contará com peças trazidas do México, sendo que o índice de nacionalização deve aumentar até atingir 70%. A linha do modelo vai contar com mais de dois mil funcionários, que vem passando por treinamentos teóricos e práticos desde o ano passado.

A produção do modelo está inserida no conceito global “Think Blue Factory.”, que estabelece uma meta para que todas as plantas da marca melhorem em 25% seus indicadores ambientais de consumo de água e energia, de emissão de gás carbônico e de geração de resíduos e solventes até 2018, em comparação a 2010.

Graças a esse conceito, o processo de armação da carroceria do novo Volkswagen Golf no Brasil deve apresentar uma economia de cerca de 30% no consumo de energia elétrica em relação aos equipamentos convencionais, por meio do uso dos novos robôs e pinças de média-frequência.

O novo Volkswagen Golf brasileiro, assim como aconteceu com o mexicano, pode chegar com novidades para os consumidores. A principal delas deve ser uma nova versão de entrada, possivelmente a Trendline, equipada com motor 1.6 litro de 16V e 120 cavalos de potência, o mesmo já encontrado nas versões mais caras dos compactos Gol, Saveiro e Fox, com preço na casa dos R$ 65 mil.

Já os modelos Comfortline e Highline devem trazer o motor 1.4 litro TSI flex. Além do Golf, a planta de São José dos Pinhais vai ser responsável em breve pela produção do A3 Sedan e da próxima geração do Q3, que também desfrutará da plataforma modular MQB.

Fonte: Volkswagen Brasil