Posts com a Tag ‘crescimento’

Delivery Express supera as 3,4 mil unidades emplacadas

quinta-feira, 30 de janeiro de 2020

 

Comercial leve teve crescimento de 167%

Comercial leve teve crescimento de 167%

 

O Delivery Express, ou DLX, da VWCO, dobrou suas vendas em 2019 ao emplacar mais de 3,4 mil unidades, representando crescimento de 167% sobre o volume alcançado em 2018. O modelo pode ser classificado como um veículo de carga, isento de restrição de circulação em meios urbanos e pode ser guiado por motoristas com carteira de habilitação categoria B. Com este volume, a participação passou de 11% para 24,4%.

 

“Em seu primeiro ‘ano cheio’ no mercado, o DLX demonstrou que veio para conquistar a liderança, com aceitação imediata dos nossos clientes. Estamos orgulhosos dos resultados de 2019 e sabemos que podemos ir ainda além, uma vez que nosso produto possui atributos que o tornam a melhor opção para os mais diversos tipos de negócio”, afirma o presidente e CEO da Volkswagen Caminhões e Ônibus, Roberto Cortes.
O veículo é a versão caçula e a mais leve da família de caminhões Delivery, se encaixando na categoria de comerciais leves, de 3 a 3,5 toneladas de PBT (peso bruto total). Este mercado cresceu 22% na mesma base de comparação anual.

Fonte: automotivebusiness.com.br

Breitkopf Caminhões comemora cinco anos em Lages

terça-feira, 30 de abril de 2019

 

Concessionária agradece a todos os clientes pela confiança

Concessionária agradece a todos os clientes pela confiança

 

Em abril (17), a Breitkopf Caminhões de Lages comemorou cinco anos de crescimento e objetivos alcançados na serra catarinense. Foram muitas histórias e metas batidas. A equipe da concessionária agrade a todos os clientes pela confiança no trabalho da Breitkopf e pela participação na história da Caminhões Lages.

Fonte: Breitkopf Caminhões

 

Contratações e crescimento em 2018

sexta-feira, 11 de janeiro de 2019

 

A Volkswagen contratou cerca de 350 pessoas para a reabertura do segundo turno parcial de sua fábrica em Resende (RJ)

A Volkswagen contratou cerca de 350 pessoas para a reabertura do segundo turno parcial de sua fábrica em Resende (RJ)

 

O ano de 2018 foi marcado por bons acontecimentos para a Volkswagen Caminhões e Ônibus. Com a reação do mercado brasileiro de veículos comerciais e a confiança em um 2019 também positivo, a marca contratou cerca de 350 pessoas para a reabertura do segundo turno parcial de sua fábrica em Resende (RJ), onde são produzidos caminhões Volkswagen, MAN e chassis Volksbus. As contratações e treinamentos foram realizados em novembro, para que os novos colaboradores iniciassem suas atividades durante dezembro. Membro do Grupo Traton, a Volkswagen Caminhões e Ônibus detém participação de mais de 27%, no acumulado do ano, nos licenciamentos de caminhões acima de cinco toneladas. Em ônibus, a montadora se mantém na segunda posição, com uma fatia superior a 22%, também no acumulado do ano.

 

Fonte: vwco.com

MAN prevê crescimento do mercado de caminhões entre 5% e 10% em 2014

terça-feira, 5 de novembro de 2013

Notícia-Valor-Econômico-S.A.

O presidente do grupo MAN na América Latina, Roberto Cortes, projetou no início do mês de outubro um crescimento na faixa de 5% a 10% do mercado de caminhões para o ano que vem.

Segundo ele, as vendas desses veículos, que caminham para fechar 2013 com alta de 10%, num total de 150 mil unidades, tendem a mostrar taxas de crescimento mais conservadoras em 2014.

Contudo, o executivo acredita que o mercado poderá repetir a taxa de crescimento de dois dígitos se houver uma combinação favorável de fatores – entre safra recorde no agronegócio, manutenção de taxas reduzidas nos financiamentos de bens de capital, a retomada dos investimentos em infraestrutura e um programa nacional de renovação de frotas. “Se tudo isso funcionar, podemos até crescer 10%”, disse o executivo, que, com a linha de veículos comerciais da marca Volkswagen, comanda a maior fabricante de caminhões do país.

Fonte: Valor Econômico S.A.

Mercado de caminhões deve crescer de 8% a 10%

terça-feira, 1 de outubro de 2013

mercadodecaminhoes

Impulsionado, entre outros fatores, por condições atrativas de financiamento e pelo aquecimento das vendas em segmentos como a área agrícola, o mercado de caminhões deve crescer neste ano de 8% a 10% em relação ao volume comercializado no País em 2012. Esta é a previsão de representantes do setor, que seguem otimistas, apesar de incertezas no cenário da economia.

O segmento vem de retomada, depois de forte freada nos resultados no ano passado, quando foram introduzidas mudanças na tecnologia veicular, com a entrada em vigor de novas normas de emissão de poluentes (o Proconve 7, similar à legislação europeia Euro 5).

As alterações na lei encareceram esses veículos e levaram muitas transportadoras a antecipar compras em 2011, o que derrubou em 40% a produção e em 20% as vendas do setor no ano seguinte.

Porém, isso ficou para trás. Desde abril de 2012, os frotistas não têm mais a opção de adquirir caminhões zero-quilômetro com a tecnologia anterior às novas regras de emissão. Além disso, no segundo semestre do ano passado, o governo federal adotou taxa bem atrativa (2,5% ao ano) para o PSI-Finame, do BNDES (Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social) para veículos pesados. A taxa dessa linha de crédito subiu ao longo deste ano – para 3% no primeiro semestre e 4% no segundo –, mas segue atraente. Afinal, são juros negativos, ou seja, ficam abaixo da inflação.

O setor se mobiliza para que o governo estenda as condições favoráveis do financiamento em 2014. Isso porque o PSI-Finame se encerra em dezembro e, depois, a taxa do BNDES deve subir. Porém,  quem não se apressar em fechar negócios e deixar a compra para dezembro corre o risco de perder os juros atrativos e a carência de três meses estabelecida nas regras dessa linha especial de crédito.

Fonte: Diário do Grande ABC

Fenabrave estima que mercado de caminhões deva crescer em 2013

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

O mercado de caminhões em 2013 deve crescer cerca de 16%, segundo a Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores).

Confirmada a estimativa, o ano de 2013 deverá ser o segundo melhor ano da história para o mercado de caminhões no país, ficando atrás apenas de 2011.

A procura de caminhões aumentou muito nos últimos meses, tendo em vista a queda nos juros. Mas, a produção nas fábricas não conseguiu acompanhar esse movimento. É por isso que muitas concessionárias no país estão recebendo pedidos que só poderão ser atendidos no primeiro trimestre de 2013.

Para maiores informações sobre os caminhões e ônibus da VW, entre em contato com uma de nossas concessionárias.

Itajaí – (47)3346-1119

Joinville – (47)3426-1515

Caminhões Volkswagen lideram vendas no Brasil

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

m1-worker

Conforme pesquisa da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), a Volkswagen Caminhões e Ônibus segue pelo terceiro ano consecutivo como a marca mais desejada do Brasil.

O prêmio é concedido pela MAN Latin America desde sua criação, em 2009. A pesquisa foi realizada de forma on-line pelo portal na Internet da Fenabrave, e contou com a participação de concessionários de todas as marcas e segmentos, entre eles, a Breitkiopf Caminhões.

A pesquisa avalia as marcas de maior destaque nas categorias automóveis e comerciais leves, caminhões e ônibus, motocicletas, tratores, máquinas agrícolas e implementos rodoviários.

A Breitkopf Caminhões comprovou no último mês a qualidade dos produtos Volkswagen. A empresa registrou crescimento acima da média do mercado. Enquanto o setor de caminhões de Santa Catarina registrou crescimento de 30%, a Breitkopf Caminhões registrou crescimento de 37%.

m1-constellation

Breitkopf Caminhões registra crescimento acima da média do mercado

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

crescimento

Santa Catarina registrou um crescimento nas vendas do setor de caminhões de cerca de 30% entre janeiro e outubro. O setor foi destaque no crescimento de veículos no estado, segundo a Fenabrave/SC, entidade que representa as concessionárias de veículos. Foram vendidos um total de 219.655 veículos, contra 206.770 no mesmo período do ano passado.

O melhor desempenho das vendas no mês de outubro foi registrado no Vale do Itajaí, onde está concentrado o maior número de vendas de Santa Catarina. A venda de caminhões foi a que mais cresceu na região, passando de 201 para 233, um crescimento de 15,9%.

Segundo o gerente de vendas da Breitkopf Caminhões de Joinville, Gilberto Sohn, a empresa está otimista quanto às vendas e revelou um crescimento acima do esperado. No período de janeiro a setembro deste ano, as vendas na região cresceram 25% em relação ao ano passado. No mesmo período, a Breitkopf Caminhões registrou crescimento acima do mercado, chegando a 37%.

“Geralmente em outubro as vendas são reduzidas, mas neste ano está sendo diferente. As vendas cresceram e esse ritmo tende a continuar. Isso se dá principalmente pela procura dos modelos Euro 3”, avalia o gerente. “No ano que vem chegam ao mercado os modelos Euro 5, que além de novas tecnologias, trazem preços reajustados. Os clientes estão aproveitando o preço diferenciado da Breitkopf nos modelos Euro 3”, ressalta.

Gilberto conta ainda que o otimismo em relação as vendas é o sentimento mais presente nas concessionárias Breitkopf. Segundo ele, esse crescimento de vendas irá se manter até o fim do ano. A Breitkopf Caminhões possui concessionárias em Itajaí, na  Rodovia BR 101 – Km 116, bairro Salseiros; e em Joinville, na BR 101, 3300 – Km 47.

Volkswagen sai na frente em 2009

segunda-feira, 16 de março de 2009

A Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea) divulgou recentemente o desempenho de vendas no segmento de caminhões, apontando um crescimento de 7% no mercado nacional em fevereiro, em comparação com 2008.

Dentro desta estatística, destaque para a Volkswagen Caminhões e Ônibus, que liderou as vendas no período, comercializando 2.251 unidades ou 32% do total de 7.137 caminhões apurados naquele mês. No mesmo sentido, as vendas de ônibus subiram 6,4% em fevereiro de 2009, em relação ao mês anterior, somando 1 806 unidades.

Considerando-se o ano de 2008, a Breitkopf Veículos também se destacou, com um crescimento de 36% no segmento de extrapesados. Um número muito expressivo, se considerarmos a média do mercado da região, que registrou incremento de 18% nos resultados. Este desempenho foi ancorado especialmente nos modelos Constellation 19-320 e 25-370, os carros-chefes da Breitkopf Caminhões.

Volkswagen e Região Sul crescem acima da média nacional

segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

Segundo o RENAVAM a venda de caminhões e ônibus na região sul é maior que a média nacional. Nos primeiros nove meses de 2007, a região sul vendeu 17.575 unidades contra 23.574 unidades em 2008. Este montante representa um crescimento de 34,3% comparado com a média de 29,3% de comercialização de caminhões e ônibus no país. Isto se deve ao aquecimento da economia principalmente do agronegócio.

Atuante no Brasil todo, a Volkswagen Caminhões e Ônibus referente à região Sul registrou um crescimento de janeiro à setembro ainda superior à média da região, batendo 42,01%, impulsionado pelo forte desemepenho de Ônibus que cresceu 57,8% no mesmo período.

A rede da região sul composta por 32 concessionários, comercializou 5.659 caminhões e ônibus no período contra 3.985 em 2007.